Experimento Noir é um espaço de troca de experiências e experimentos que bebam da fonte do gênero noir.
Participe para saber mais e envie a sua colaboração. Após análise, publico com crédito do experimentador.


quarta-feira, 9 de maio de 2012

Film Noir: the Directors


Film Noir: The Directors
ISBN: 9780879103941
Limelight
March 2012
400 pages


Na Amazon, por $16,49: http://www.amazon.com/Film-Noir-Directors-Alain-Silver/dp/0879103949

"Os notáveis historiadores do filme noir Alain Silver e James Ursini, atuando como editores, concentram-se neste trabalho sobre trinta diretores-chave do período clássico noir, incluindo nomes como Orson Welles, Billy Wilder, Nicholas Ray, Joseph Losey e, assim como menos conhecidas luzes do noir, Gerd Oswald, E. Felix Feist, Ida Lupino e John Brahm. Cada artigo irá incluir uma breve biografia do diretor, uma lista de seus filmes noir mais importantes, bem como uma análise profunda dos próprios filmes. O livro possui mais de duas dezenas de colaboradores do mundo da história do cinema e da crítica. Profusamente ilustrado com fotos de alta resolução ilustram os pontos feitos pelos autores, este livro é uma obrigação para qualquer aficionado do estilo americano de filme noir."


O site The Cinementals fala desse livro sobre os diretores do film noir, editado mais uma vez pelos nossos já conhecidos Alain Silver e James Ursini.

Leiam a matéria acessando o site: http://thecinementals.org/2012/05/book-review-film-noir-the-directors/

T-Men - 1947

T-Men (Moeda Falsa) - 1947
92 min - USA
Drama | Filme Noir | Crime
Diretor: Anthony Mann
Estrelando: Dennis O'Keefe, Wallace Ford, Alfred Ryder



Filmado no estilo de semi-documentário, t-Men acompanha um caso de falsificação de dinheiro, investigado pelos agentes do Tesouro dos EUA (os T-Men), dois dos quais trabalham infiltrados numa quadrilha de gângsters. Dennis O’Keefe, o protagonista do filme, é um dos agentes. Diria que essa trama mostrando a infiltração dos agentes foi muito bem trabalhada por Anthony Mann aliada a fotografia brilhante de John Alton.

Sobre os documentários com investigações policiais, é bom salientar que faz parte do gênero noir, sendo condsiderado um sub-gênero inclusive. Na segunda metade dos anos 40, vários filmes com estas características foram produzidos, como “Moeda Falsa”, “A Casa da Rua 92”, “Cidade Nua” entre outros. Uma característica mais ou menos comum de todos eles é a exaltação das autoridades (sejam os federais ou a polícia), geralmente mostradas como quase infalíveis. Até as mortes dos agentes são exaltadas com frases do tipo “morreu no cumprimento do dever”.

Anthony Mann ficou muito conhecido por dirigir westerns, mas antes de dirigir ou alcançar tal fama, produziu uma série filmes noir. Este talvez seja o melhor de todos eles, ainda que eu aprecie também He Walked by Night. Assistam e tirem suas conclusões.

Cartazes T-Men - 1947






Cenas em miniatura do cinema noir



E não é que descubro um artista que faz miniaturas de cenas de filmes noir a partir de fotografias, retratando  crimes, investigações e toda sorte de dioramas com cenas do cinema noir. Jonah Samson é o artista, e você pode acessar o link para conhecer um pouco do seu trabalho.
Fonte: FlavorWire: http://flavorwire.com/287165/grisly-film-noir-scenes-in-miniature?all=1

Página de Jonah Samson: http://www.littlechickendog.com/

terça-feira, 8 de maio de 2012

Macao, 1952

Macao - 1952
81 min - USA
Filme Noir | Aventura
Diretor: Josef Von Sternberg
Estrelando: Robert Mitchum, Jane Russel, William Bendix, Gloria Grahame

http://www.imdb.com/title/tt0044863/


O cenário abre-se no porto de Macau, onde estão em um mesmo navio Nick Nick Cochran (Mitchum), um ex-militar, a sensual cantora noturna Julie Benson (Russel) e Lawrence Trumble (Bendix), um vendedor ambulante que trabalha com contrabando.
Sebastian, um policial corrupto, avisa o dono do cassino local e uma espécie de "patrão", por tê-lo na lista de pagamento por informações - Vincent Halloran (Dexter) -  sobre a chegada do navio e seus tripulantes, pois temem a presença de um policial vindo de Nova York para descobrí-lo e prendê-lo por seus atos escusos. Justamente Nick é o suspeito eleito por Vincent, e tenta suborná-lo a fim de ver-se livre da ameaça, ainda que Nick está claramente atraído pela bela Julie, sendo este seu único interesse. Vincent aproveita-se da situação para contratar Julie como cantora de seu cassino, a fim de atrair o rapaz para tentar descobrir sobre suas suspeitas.


Nick aparece em certo momento com um colar de diamante que tenciona vender, o que Halloran reconhece-o, por tê-lo enviado a Hong Kong uma semana antes para ser vendido, e Nick é feito prisioneiro seguindo a interrogatório.

Fuga, perseguição, morte e revelações entre Trumble e Nick, geram o clímax do filme. Após tais revelações, Nick quer que Julie parta com ele, mas descobre que antes Halloran a convidou para uma viagem à Hong Kong, quando percebe que é hora de agir e desmascarar sua trama, entregando-o aos policiais.

Trata-se de um bom filme, com personagens típicos noir - um chefão do crime (Dexter), sua amante (Grahame), um ex-militar (Mitchum), uma menina má com um coração de ouro (Russell), um policial disfarçado (Bendix), um policial torto (Gomez), entre outros personagens. 

A abertura já atrai a atenção para a ação e o romance entre Mitchum e Russell. O ritmo é intenso e com diálogos ágeis. A história começa com uma perseguição em uma doca. O homem que está sendo perseguido é um policial de Nova York que é morto. Vemos que Vincent Halloran (Dexter) está envolvido no assassinato. 

Diria que Dexter está incrível como o dono desonesto do cassino Ele fala com uma voz suave, muitas vezes com um cigarro pendendo de sua boca.

É muito bonita a cena em que Jane Russel canta "You Kill Me", no belíssimo e exótico cenário do cassino, enquanto seus frequentadores jogam, fumam seus charutos ou apreciam a beleza estonteante da cantora em seu elegante vestido branco.

Pelo que li, o processo nas filmagens foi um tanto tenso, porém trata-se de um bom entretenimento, com toques de aventura e cinema noir tal como descrito pelo Imdb, sendo uma boa diversão para conhecimento do espectador.






Cartazes de Macao - 1952

Belos cartazes no ambiente exótico de Macao. A variedade das artes, com seu colorido e disposição geométrica valorizaram a apresentação deste noir-aventura (segundo o imdb).









domingo, 6 de maio de 2012

Happy Birthday, Orson Welles



George Orson Welles - 06/05/1915 - Kenosha, Wincosin / 10/10/1985 - Hollywood


Nosso breve mas caloroso parabéns de hoje vai para este grande ator-diretor, muito conhecido por seu memorável Cidadão Kane, mas que sempre destacou-se em diversos papéis e sua intensa paixão e inconformismo por conceber filmes de acordo com sua visão ímpar. Eu por exemplo, adoro Cidadão Kane mas confesso minha predileção pelo malandro Harry Lime em The Third Man, ou mesmo o astuto marinheiro, caído de amores pela bela loira de A Dama de Shangai.




Com 15 anos já órfão do pai, começa a estudar pintura, e na adolescência não tem interesse pelos estudos, dedicando-se logo cedo ao teatro, tanto que em 1937 cria uma companhia de teatro.


1938 marca sua transmissão de A Guerra dos Mundos, que ficou famosa por provocar pânico nos ouvintes, fazendo-os imaginar que havia uma invasão de extraterrestres em curso, fazendo como que Welles iniciasse sua fama.



Em 1941 Welles estréia no cinema, com “Cidadão Kane”, filme no qual, onde é o protagonista além de produtor, co-escritor e diretor. Embora seja considerado pela crítica como um dos melhores filmes de todos os tempos e tenha recebido 9 indicações ao Oscar - foi ganhador de Melhor Roteiro Original - foi um fracasso de bilheteria, com um prejuízo de US$ 150 mil aos Estúdios da RKO.
Todo a sua obra apresenta toques de genialidade. Entre um projeto e outro, fazia papéis carismáticos para outros cineastas, com destaques para o nervoso Mr. Rochester de “Jane Eyre”, dirigido por Robert Stevenson, e o frio Harry Lime de “O Terceiro Homem”, dirigido por Carol Reed - este, meu filme favorito com este grande ator.
Em sua carreira, Orson Welles foi ganhador de apenas um Oscar, por seu trabalho como co-roteirista em “Cidadão Kane” e com o Prêmio Honorífico da Academia de Hollywood por sua maestria e versatilidade na criação de filmes. Recebeu 4 indicações ao Oscar, 3 por sua participação em “Cidadão Kane” como produtor, diretor e ator.  Em 1975, recebeu do American Film Institute o prêmio pelo conjunto de sua obra.  Em 1984, recebeu do Directors Guild of America o Prêmio D. W. Griffith.
Orson Welles casou-se três vezes: Virginia Nicholson  (14/11/1934 a 01/02/1940), com quem teve um filho, Christopher, nascido em 1937; Rita Hayworth  (07/09/1943 a 01/12/1948), com quem teve uma filha, Rebecca, nascida em 1944; e Paola Mori  (08/05/1955 a 10/10/1985, quando faleceu), com quem teve uma filha, Beatrice, nascida em 1955.
Apesar de sua reputação como ator e diretor, manteve durante muito tempo sua licença junto a Magician's Union, além de praticar periodicamente mágicas. De acordo com ele mesmo, assim poderia seguir adiante em uma carreira caso fosse impedido de seguir trabalhando no cinema.


É um dos cinco atores que recebeu uma indicação da Academia de Artes e Ciências Cinematográficas na categoria de melhor ator em uma de suas cinco primeiras aparições no cinema.


Certo é que, por maior a tentativa, pouco seria para falar deste brilhante cineasta. Limito-me a esta pequena homenagem, destacando algumas poucas facetas de sua história, com fotos de algumas de suas atuações que certamente, ficarão na memória e história do cinema.









Filmografia



A DAMA DE SHANGHAI (1947)The lady from Shanghai
A MARCA DA MALDADE (1958)Touch of evil
A ROSA NEGRA (1950)The black rose
CARTA AO KREMLIN (1970)The Kremlin letter
CASSINO ROYALE (1966)Casino Royale
CIDADÃO KANE (1941)Citizen Kane
ESTRANHA COMPULSÃO (1959)Compulsion
GENTE MUITO IMPORTANTE (1963)The V.I.P.s
JANE EYRE (1944)Jane Eyre
MACBETH - REINADO DE SANGUE (1948)Macbeth
MOBY DICK (1956)Moby Dick
O ESTRANHO (1946)The stranger
O FAVORITO DOS BÓRGIAS (1949)Prince of Foxes
O HOMEM QUE NÃO VENDEU SUA ALMA (1966)A man for all seasons
O MERCADOR DE ALMAS (1958)The long, hot summer
O PROCESSO (1962)Le procès
O TERCEIRO HOMEM (1949)The third man
OTHELLO (1952)The tragedy of Othello: The moor of Venice
PARIS ESTÁ EM CHAMAS ? (1966)Paris brûle-t-il?
SOBERBA (1942)The magnificent Ambersons

Filmografia Diretor 

A DAMA DE SHANGAI (1947)The lady from Shanghai
A MARCA DA MALDADE (1958)Touch of evil
CIDADÃO KANE (1942)Citizen Kane
MACBETH (1948)Macbeth
O ESTRANHO (1946)The stranger
O PROCESSO (1962)Le procès
OTHELLO (1952)The tragedy of Othello: The moor of Venice
SOBERBA (1942)The magnificent Ambersons

Premiações 

O PROCESSO
(1962)
Sindicato Francês dos Críticos de Cinema, FrançaPrêmio de Melhor Filme
OTHELLO (1952)Festival Internacional de Cannes, FrançaGrand Prix do Festival

Premiações

O ESTRANHO (1946)Festival Internacional de Veneza, ItáliaPrêmio Leão de Ouro
CIDADÃO KANE (1941)Academia de Artes Cinematográficas de Hollywood, EUAOscar de Melhor Direção
CIDADÃO KANE (1941)Academia de Artes Cinematográficas de Hollywood, EUAOscar de Melhor Ator