Experimento Noir é um espaço de troca de experiências e experimentos que bebam da fonte do gênero noir.
Participe para saber mais e envie a sua colaboração. Após análise, publico com crédito do experimentador.


domingo, 3 de fevereiro de 2013

Nocturne - 1946

Nocturne - 1946
87 min - 1946
Crime | Filme Noir | Drama
Diretor: Edwin L. Marin
Estrelando: George Raft, Lynn Bari, Virginia Huston, Edward Ashley

http://www.imdb.com/title/tt0038782/

Um pianista e compositor mulherendo - Keith Vincent (Edward Ashley) - aparece morto com a suposta dedução de tratar-se de um suicídio. 
O detetive Joe Warner parece não convencer-se da versão que seus amigos de profissão querem manter evitando maiores transtornos, e resolve investigar o caso buscando a verdade entre os amores descartados por Keith - belas modelos que parecem ter diversos motivos para cometer um assassinato - de forma obscessiva, independente da ordem de ficar fora do caso. Warner inicialmente segue pistas baseado na canção "Dolores", a última e inacabada canção composta entre diversas dedicadas às mulheres que encontram-se dispostas em quadros que o compositor mantém em sua parede próximo ao piano e Joe acredita haver relação que trará solução ao enigma.
Sua busca segue investigando as diversas mulheres, ouvindo suas versões inclusive de Frances (Lynn Bari), por quem irá apaixonar-se.
Intrigas, mentiras, descobertas, outros eventos fatais até Warner provar sua teoria.



A trilha sonora é de Leigh Harline - o mesmo que preparou a trilha de Pickup on South Street - com a música tema que parece sustentar a cena como um bom pano de fundo.

As cenas dirigidas por Edwin L. Marin, apesar da pequena lista de noirs em meio aos 50 filmes que dirigiu, em especial com o estilo western, são agradáveis, com tomadas de câmera bem feitas, além dos diálogos em ritmo ágil, reforçando a característica do gênero, apesar da trama aparentemente simples tornar-se por vezes um pouco confusa e sem muito nexo. 



A recepção da crítica

A revista Variety revista descreveu Nocturne como "um thriller policial com ação,
suspense e humor abundantes e inflexíveis da história com direção de Edwin L. Marin. Há alguma confusão na conclusão, mas foi aparentemente devido a um problema de edição
para chegar aos 87 minutos de filme. George Raft é visto como tenente-detetive cuja teimosia leva a descobrir um assassinato anteriormente marcado como um
suicídio. boa atuação da 
co-estrela Lynn Bari, a principal suspeita em grande parte da filmagem. 


O crítico de cinema Dennis Schwartz chamou o filme "uma versão de baixa renda do filme noir Laura ", e acrescentou:" Foi um filme ágil que faz a maioria de sua investigação de assassinato com perspicaz olhar para a vida das pessoas de Hollywood. O espectador é levado em uma excursão às casas noturnas de 1940...É um filme com muitas ironias. Roteirizado por Jonathan Latimer e dirigido por Edwin Marin, e produzido pelo
veterano Alfred Hitchcock associado Joan Harrison ".

O filme registrou um lucro de $ 568.000.

Fontes:

http://www.tcm.com/mediaroom/video/314845/Nocturne-Movie-Clip-For-Dolores.html

http://www.imdb.com/title/tt0038782/

http://www.youtube.com/watch?v=XIo8wfQTf-0

http://thepiratebay.se/torrent/7643666/Nocturne_(1946)


Um comentário:

  1. Olá!
    Participe da enquete-post que fiz no blog!

    www.telaprateada.blogspot.com

    Um abraço
    Dani

    ResponderExcluir